< retorna

 Guarda civil/municipal, Municípios e segurança pública, Violência contra a mulher

Relações de gênero nas Guardas Municipais

Autor(es)/Pesquisador(es): Camila Costa Cardeal, Ludmila Mendonça Lopes Ribeiro
Tags: , , ,
Tipo de publicação:  Artigo, Dossiê, Revista Brasileira de Segurança Pública
Ano da publicação: 2017
Formato: Pdf


Neste artigo, procuramos descortinar as relações de gênero no âmbito das Guardas Municipais, o que significa uma análise não das mulheres, mas de como elas são em comparação com os homens. Para tanto, optamos por escrutinar três dimensões: perfil profissional, condições de trabalho e assédio (moral e sexual). Os resultados indicam que a prometida igualdade entre homens e mulheres está longe de se materializar nas Guardas Municipais, dados o reduzido percentual do contingente feminino (em comparação com o masculino), a ausência de equipamentos de proteção individual específicos para as mulheres e as práticas de assédio que vitimizam essas profissionais em maiores percentuais.

RBSP, v. 11, n. 1, 50-72, Fev/Mar 2017

Publicação cadastrada em: 24 de agosto de 2017

ACESSE A PUBLICAÇÃO

Publicações relacionadas